Início Esporte

“Decisão já era esperada”, afirma Harfouche em nota | Notícias de Campo Grande e MS

0

Divulgação/Assessoria

Candidato a Prefeitura da Capital Sérgio Harfouche

 

Após decisão publicada nesta segunda-feira (26) pelo juiz Roberto Ferreira Filho, a Justiça Eleitoral rejeitou o registro de candidatura do Promotor Sérgio Harfouche, do partido Avante, a prefeito de Campo Grande. O candidato afirma que vai recorrer e continuar normalmente com sua campanha.

 

Em nota divulgada à imprensa o promotor relatou que a decisão já era esperada: “A decisão do juiz que acolheu pedido de impugnação contra Harfouche já era esperada, tanto que o candidato pediu sua suspeição, ou seja, que outro juiz ficasse responsável pelo caso”, informa. 

 

O candidato ainda esclarece o fato de ter concorrido em 2018 e que foi citado pelo juiz. ” Harfouche já estava preparando recurso para o TRE-MS , inclusive invocando acórdão já decidindo essa questão. Em 2018, o TRE decidiu que Harfouche poderia sim ser candidato, inclusive a decisão julgou o mérito por unanimidade e ele foi, inclusive , o mais votado na cidade de Campo Grande em eleição para o Senado”, diz a nota. 

 

O indeferimento da candidatura pode ir a novo julgamento em corte superior local e também ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília (DF).

 

Caso: 

No último dia 15 de outubro, Sérgio Harfouche (Avante), teve o trâmite do registro de candidatura suspenso. A suspensão foi realizada pelo juiz José Henrique Neiva de Carvalho e Silva e se dá até que o pedido de suspeição, feito pelo candidato, seja julgado pelo Tribunal.

 

Além dessa suspensão, outros dois pedidos que contestam a candidatura de Sérgio também foram paralisados. Os pedidos foram realizados pelo Esacheu Nascimento, do Progressistas (PP), e pelo atual prefeito da Capital Marcos Trad (PSD). Ambos relatam que o Sérgio não pode concorrer ao cargo, pois está licenciado do Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS). 

 

Em relação ao pedido realizado pelo candidato para a troca de juiz Roberto Ferreira Filho, responsável por julgar a candidatura dele, e por conta que ambos teriam uma ‘inimizade pública’

 

Confira a nota na íntegra:

 

HARFOUCHE CONTINUA CANDIDATO

 

É importante que as pessoas saibam que a campanha do Promotor Harfouche continua! A decisão do juiz que acolheu pedido de impugnação contra Harfouche já era esperada, tanto que o candidato pediu sua suspeição, ou seja, que outro juiz ficasse responsável pelo caso. Porém, essa decisão (que ousou contrariar decisão do TRE-MS , que já decidiu sobre exatamente a mesma matéria) em nada altera a atual rotina da campanha, que seguirá normalmente, posto que, Harfouche já estava preparando recurso para o TRE MS , inclusive invocando acórdão já decidindo essa questão. Em 2018, o TRE decidiu que Harfouche poderia sim ser candidato, inclusive a decisão julgou o mérito por unanimidade e ele foi, inclusive , o mais votado na cidade de Campo Grande em eleição para o Senado.

 



Fonte