Início Esporte

Figueirense vence Avaí em clássico e deixa zona de rebaixamento da Série B – Esportes

0

O Figueirense deixou provisoriamente a zona de rebaixamento ao vencer o clássico com Avaí pela primeira vez na temporada. O time alvinegro derrotou o arquirrival por 2 a 0 na tarde deste sábado, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela 31ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A equipe da Ressacada havia vencido os dois clássicos disputados anteriormente neste ano.

Com o resultado, o Figueirense foi para a 16ª colocação, com 35 pontos, mas terá que torcer para a Chapecoense contra o Paraná para seguir fora da degola. O time paranaense soma 32. Já o Avaí ficou com 44, ainda longe da zona de acesso.

Lutando pela sobrevivência na Série B, o Figueirense entrou em campo tratando o jogo como uma final. O time alvinegro engoliu o Avaí e poderia ter saído com uma goleada. O placar foi inaugurado logo aos 16 minutos. Bruno Michel cobrou escanteio, Lucas Frigeri saiu errado e Guilherme Thiago mandou para o fundo das redes. O gol gerou muita polêmica, pois a bola chegou a tocar no braço de Diego Gonçalves, nada marcado.

O Avaí pouco conseguiu produzir e ficou na tentativa isolada de Valdívia, em cobrança de escanteio, para fora. Do outro lado, o Figueirense ampliou. Aos 39, em bela trama de contra-ataque, Diego Gonçalves deixou Alan Costa para trás e chutou firme para fazer 2 a 0.

O terceiro quase saiu logo na sequência. Bruno Michel recebeu pela esquerda, tabelou com Alecsandro e carimbou a trave. A pressão continuou, mas o Avaí se segurou para evitar um placar maior.

No segundo tempo, o Avaí voltou com postura diferente e saiu em busca do gol. Aos sete minutos, Ronaldo recebeu de Valdívia e jogou rente à trave. No entanto, a resposta do Figueirense foi imediata. Thiaguinho pegou o rebote e exigiu boa defesa do goleiro Gledson.

Claudinei Oliveira colocou fôlego novo na equipe, que envolveu o Figueirense. No entanto, não conseguiu transformar a superioridade em gol. O Avaí até criou no segundo tempo, mas sem ser eficaz. Na melhor jogada, Ronaldo jogou por cima do gol.

Na próxima rodada, o Avaí enfrenta o CRB na terça-feira, às 19h15, no estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC). No sábado, o Figueirense visita o Oeste na Arena Barueri, em Barueri (SP).

FICHA TÉCNICA:

FIGUEIRENSE 2 x 0 AVAÍ

FIGUEIRENSE – Rodolfo Castro; Thiaguinho, Guilherme Thiago, Vitor Mendes e Renan Luís; Matheus Neris (Arouca), Patrick (Brunetti) e Bruno Michel (Jhonatan); Diego Gonçalves, Alecsandro (Erison) e Lucas Barcelos (Guilherme). Técnico: Jorginho.

AVAÍ – Lucas Frigeri (Glédson); Edilson, Betão, Alan Costa e Iury (João Lucas); Pedro Castro, Ralf (Bruno Silva), Valdivia e Renatinho (Vinícius Jaú); Gastón Rodrigues (Ronaldo Silva) e Getúlio. Técnico: Claudinei Oliveira.

GOLS – Guilherme Thiago, aos 16, e Diego Gonçalves, aos 39 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO – Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP).

CARTÕES AMARELOS – Guilherme Thiago e Vitor Mendes (Figueirense); Betão e Edílson (Avaí).

RENDA E PÚBLICO – Jogo sem torcida.

LOCAL – Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).

Fonte