Início Destaque

Mulheres motoristas de aplicativo podem escolher dirigir só para outras mulheres

0

Dos mais de 600 mil motoristas no Brasil, apenas 6% são mulheres e criar um aplicativo para uso apenas do sexo feminino acaba se tornando inviável para aplicativos de carona. Mas o recurso para que as motoristas escolham apenas dirigir para outras mulheres já está disponível na plataforma Uber. O recurso foi anunciado durante o evento realizado em São Paulo na quarta-feira (6), junto com outas seis ferramentas de segurança.

Conforme anunciado pela diretora geral da Uber Brasil, Claudia Woods, o recurso já está em teste em três cidades do Brasil: Campinas, Curitiba e Fortaleza e deve se expandir para todo o território nacional em 2020.

Chamada de ‘Elas na Direção’, a iniciativa tem como proposta estimular que novas mulheres se tornem motoristas parceiras na plataforma. “Analisando a base de motoristas cadastrados na plataforma, vimos que existe uma grande diferença entre o número de homens e mulheres que, de fato, aproveitam essa oportunidade para gerar renda”, disse em comunicado.

As motoristas poderão acionar a opção U-Elas, ao se inscreverem na plataforma, e caso haja demanda por um passageiro homem, ela poderá cancelar a corrida. Mas caso não haja demanda é possível também desligar a opção. “As mulheres vão pode escolher dirigir o dia todo só para mulheres, ou apenas em um período em que achem mais perigoso”, ressaltou Claudia, durante a apresentação que aconteceu em São Paulo.

Ainda na temática feminina, a plataforma já disponibiliza também vídeos e materiais educativos realizados em parceria com outras instituições visando o empoderamento feminino e o combate à violência contra a mulher.

“Como mulher, entendo os desafios que enfrentamos no dia a dia e queremos que o deslocamento não seja mais um deles. Continuaremos a auxiliar no empoderamento econômico e seguir na prevenção à violência de gênero”, conclui Claudia ao anunciar o investimento de R$ 5 milhões nos próximos três anos para projetos de enfrentamento à violência contra a mulher.

Recursos de segurança

Dos seis novos recursos anunciados pela plataforma, dois são inéditos no mundo, a possibilidade de gravação de áudio no aplicativo, durante as corridas, e a verificação de documentos dos usuários. E quatro são inéditas na América Latina: senha ultrassom para ajudar a verificar a viagem, aprimoramento no recurso de selfie do motorista, ferramenta para checagem de rota e opção de reportar um problema antes de terminar a viagem.

Conforme explicado pelo diretor global de produtos de segurança da empresa, Sachin Kansal, os motoristas e os usuários poderão agora gravar as conversas que ocorrem durante as corridas, caso se sintam incomodados. Esse áudio ficará criptografado dentro o aplicativo, podendo ser apagado pelo usuário ou reportado à plataforma para que haja uma investigação do ocorrido, sendo compartilhado o conteúdo apenas com autoridades policiais, nos termos da lei.