Início Esporte

Número 1 do mundo, Barty vence e avança no Aberto da Austrália; atual campeã cai – Esportes

0

Maior esperança de título para a torcida local, a australiana Ashleigh Barty passou por alguns sustos para avançar à terceira rodada do Aberto da Austrália, o primeiro Grand Slam da temporada. Nesta quinta-feira, a atual número 1 do mundo venceu a compatriota Daria Gavrilova por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 7/6 (9/7), mas sofreu na segunda parcial, quando teve que salvar dois set points.

Em seu primeiro torneio em 11 meses, Barty não havia perdido um game sequer na estreia, mas perdeu mobilidade e confiança com uma aparente lesão na coxa esquerda. Gavrilova, que volta ao circuito profissional após longa parada por contusão e por isso figura no 387.ª posição do ranking da ATP, chegou a ter vantagem no segundo set, mas não aproveitou.

Semifinalista do ano passado, Barty, que é a campeã de Roland Garros de 2019, encara na terceira rodada a russa Ekaterina Alexandrova, cabeça de chave número 29 em Melbourne, que derrotou a checa Barbora Krejcikova por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/4).

Se a australiana passou por alguns apuros em quadra e conseguiu sair vitoriosa, o mesmo não aconteceu com a atual campeã do Aberto da Austrália. Finalista de um torneio preparatório na semana passada, a estoniana Kaia Kanepi fez valer o bom momento e conquistou um surpreendente triunfo sobre a americana Sofia Kenin. A tenista de 35 anos não tomou conhecimento da rival, a quarta colocada do ranking, e venceu em sets diretos, com parciais de 6/3 e 6/2.

A eliminação precoce de Kenin foi apenas a terceira de uma atual campeã de forma tão precoce no Aberto da Austrália desde o começo da Era Aberta. Antes dela, apenas a compatriota Jennifer Capriati, eliminada na estreia em 2003, e a francesa Mary Pierce, também na segunda, só que em 1996, perderam tão cedo defendendo o título em Melbourne.

Kanepi terá pela frente agora a croata Donna Vekic, cabeça de chave 28, que passou sem sustos pela argentina Nadia Podoroska, anotando um duplo 6/2. Será a segunda vez que a estoniana enfrentará a rival da Croácia, que a superou no embate anterior, no US Open de 2019.

OUTROS JOGOS – Sexta pré-classificada, a checa Karolina Pliskova superou um primeiro set equilibrado e eliminou a americana Danielle Collins com a vitória por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/2. Ela fará na terceira rodada um duelo caseiro contra Karolina Muchova, que superou a alemã Mona Barthel por 6/4 e 6/1.

Quem está embalada é a belga Elise Mertens, campeã de um dos WTA 500 preparatórios em Melbourne. A cabeça 18 salvou dois set-points no tie-break da primeira parcial e bateu a chinesa Lin Zhu por 7/6 (10/8) e 6/1. Sua adversária em busca de vaga nas oitavas de final será a suíça Belinda Bencic, que lutou mais de 2 horas e 30 minutos para superar a russa Svetlana Kuznetsova por 2 a 1 – parciais de 7/5, 2/6 e 6/4.

Também avançaram nesta quinta-feira a ucraniana Elina Svitolina (cabeça 5), a estoniana Anett Kontaveit (21), a casaque Yulia Putintseva (26), a eslovena Kaja Juvan, a francesa Kristina Mladenovic e as americanas Jennier Brady (22), Shelby Rogers e Jessica Pegula.

Fonte