Início Destaque

Programa de Qualificação de Fornecedores do IEL vai certificar 44 novas empresas do Estado

0

Com mais de R$ 1,1 bilhão em negócios movimentados e centenas de micro e pequenas empresas qualificadas para fornecer e prestar serviços, o PQF (Programa de Qualificação de Fornecedores) do IEL vai entregar, nesta quinta-feira (30/05), os certificados de mais uma etapa de conclusão do programa, em uma cerimônia a ser realizada a partir das 19 horas, no auditório do Sesi de Três Lagoas. O certificado atesta a capacidade das empresas que participaram de fornecer produtos e prestar serviços de acordo com as demandas e necessidades das empresas-âncora do PQF, a Suzano e a Bemis, além das prefeituras de Campo Grande, Três Lagoas e Ribas do Rio Pardo, bem como Sebrae/MS como parceiro executor.

Neste ano, serão certificadas 44 empresas de diferentes segmentos de atuação, que vão de alimentação à serviços hospitalares, passando por manutenção industrial a fornecimento de mudas. “A cerimônia de certificação representa o resultado de um ano de trabalho com as empresas, e reforça o trabalho do IEL na área de gestão empresarial junto às participantes do programa. Ao mesmo tempo, há uma comemoração muito bonita e gratificante por parte destas empresas, que atingem outro patamar de gestão e eficiência no momento de chegar até o cliente”, afirmou o superintendente do IEL, José Fernando do Amaral.

O PQF começou a ser oferecido pelo IEL de Mato Grosso do Sul em 2008, inicialmente em Três Lagoas e, desde então, já atendeu 398 empresas fornecedoras para atender as empresas âncoras. Destas, 279 já receberam os certificados, movimentando mais de R$ 1,15 bilhão em negócios entre as fornecedoras e âncoras. Foram 34 mil horas de consultorias, 14 mil horas em diagnósticos, avaliações e auditorias e 400 pessoas formadas como auditoras da Norma ISO9001, na qual o programa se baseia.

“O PQF, que começou para preparar os pequenos negócios de Três Lagoas para a expansão da indústria e segmento da celulose no município, hoje está em franco crescimento, com atuação também na Capital do Estado, Ribas do Rio Pardo, e apoio do Sebrae”, avalia o gestor do PQF no Estado, o coordenador da área de desenvolvimento empresarial do IEL, Hugo Bittar.

Como funciona o programa

Para que atendam com precisão às expectativas das empresas-âncora, as empresas-fornecedoras participantes do PQF passam por um detalhado processo de qualificação. Primeiro, o IEL constitui um comitê gestor local para conduzir o programa no ambiente empresarial em que ele será implementado, além da determinação de um plano de qualificação a ser desenvolvido.

Em seguida, cada empresa participante passa por uma etapa de diagnóstico, a partir de requisitos definidos pelas empresas-âncoras, e o IEL avalia quais aspectos do negócio podem ser aprimorados. Na etapa de desenvolvimento do programa, o IEL atua em duas frentes – capacitações e consultorias. As capacitações são coletivas, dirigidas a todas as empresas fornecedoras participantes, enquanto as consultorias são individuais, realizadas em cada empresa.

Então, é chegado o momento da certificação, inicialmente realizada pelo IEL de modo individual. Por meio de auditorias independentes, verifica-se se os requisitos estabelecidos para todas as áreas de gestão do programa são atendidos. A atividade de auditoria também envolve a identificação e preparação de auditores, a elaboração de procedimentos, o planejamento e a programação de auditorias para aprovação pelo comitê gestor local.

As empresas fornecedoras que obtiveram aprovação no processo de certificação durante as auditorias realizadas – índice que chega a 97% das participantes – são as que receberão um Certificado de Fornecedor Qualificado durante a cerimônia desta quinta-feira.

Confira abaixo a relação de empresas que serão certificadas:

  1.    Terra Flora
    
  2.    Canteen Cantinas
    
  3.    Varejão das Baterias
    
  4.    Fibra Conectividade
    
  5.    Juliano Ar Condicionado
    
  6. Com mais de R$ 1,1 bilhão em negócios movimentados e centenas de micro e pequenas empresas qualificadas para fornecer e prestar serviços, o PQF (Programa de Qualificação de Fornecedores) do IEL vai entregar, nesta quinta-feira (30/05), os certificados de mais uma etapa de conclusão do programa, em uma cerimônia a ser realizada a partir das 19 horas, no auditório do Sesi de Três Lagoas. O certificado atesta a capacidade das empresas que participaram de fornecer produtos e prestar serviços de acordo com as demandas e necessidades das empresas-âncora do PQF, a Suzano e a Bemis, além das prefeituras de Campo Grande, Três Lagoas e Ribas do Rio Pardo, bem como Sebrae/MS como parceiro executor.

    Neste ano, serão certificadas 44 empresas de diferentes segmentos de atuação, que vão de alimentação à serviços hospitalares, passando por manutenção industrial a fornecimento de mudas. “A cerimônia de certificação representa o resultado de um ano de trabalho com as empresas, e reforça o trabalho do IEL na área de gestão empresarial junto às participantes do programa. Ao mesmo tempo, há uma comemoração muito bonita e gratificante por parte destas empresas, que atingem outro patamar de gestão e eficiência no momento de chegar até o cliente”, afirmou o superintendente do IEL, José Fernando do Amaral.

    O PQF começou a ser oferecido pelo IEL de Mato Grosso do Sul em 2008, inicialmente em Três Lagoas e, desde então, já atendeu 398 empresas fornecedoras para atender as empresas âncoras. Destas, 279 já receberam os certificados, movimentando mais de R$ 1,15 bilhão em negócios entre as fornecedoras e âncoras. Foram 34 mil horas de consultorias, 14 mil horas em diagnósticos, avaliações e auditorias e 400 pessoas formadas como auditoras da Norma ISO9001, na qual o programa se baseia.

    “O PQF, que começou para preparar os pequenos negócios de Três Lagoas para a expansão da indústria e segmento da celulose no município, hoje está em franco crescimento, com atuação também na Capital do Estado, Ribas do Rio Pardo, e apoio do Sebrae”, avalia o gestor do PQF no Estado, o coordenador da área de desenvolvimento empresarial do IEL, Hugo Bittar.

    Como funciona o programa

    Para que atendam com precisão às expectativas das empresas-âncora, as empresas-fornecedoras participantes do PQF passam por um detalhado processo de qualificação. Primeiro, o IEL constitui um comitê gestor local para conduzir o programa no ambiente empresarial em que ele será implementado, além da determinação de um plano de qualificação a ser desenvolvido.

    Em seguida, cada empresa participante passa por uma etapa de diagnóstico, a partir de requisitos definidos pelas empresas-âncoras, e o IEL avalia quais aspectos do negócio podem ser aprimorados. Na etapa de desenvolvimento do programa, o IEL atua em duas frentes – capacitações e consultorias. As capacitações são coletivas, dirigidas a todas as empresas fornecedoras participantes, enquanto as consultorias são individuais, realizadas em cada empresa.

    Então, é chegado o momento da certificação, inicialmente realizada pelo IEL de modo individual. Por meio de auditorias independentes, verifica-se se os requisitos estabelecidos para todas as áreas de gestão do programa são atendidos. A atividade de auditoria também envolve a identificação e preparação de auditores, a elaboração de procedimentos, o planejamento e a programação de auditorias para aprovação pelo comitê gestor local.

    As empresas fornecedoras que obtiveram aprovação no processo de certificação durante as auditorias realizadas – índice que chega a 97% das participantes – são as que receberão um Certificado de Fornecedor Qualificado durante a cerimônia desta quinta-feira.

    Confira abaixo a relação de empresas que serão certificadas:

    1.    Terra Flora
      
    2.    Canteen Cantinas
      
    3.    Varejão das Baterias
      
    4.    Fibra Conectividade
      
    5.    Juliano Ar Condicionado
      
    6. Com mais de R$ 1,1 bilhão em negócios movimentados e centenas de micro e pequenas empresas qualificadas para fornecer e prestar serviços, o PQF (Programa de Qualificação de Fornecedores) do IEL vai entregar, nesta quinta-feira (30/05), os certificados de mais uma etapa de conclusão do programa, em uma cerimônia a ser realizada a partir das 19 horas, no auditório do Sesi de Três Lagoas. O certificado atesta a capacidade das empresas que participaram de fornecer produtos e prestar serviços de acordo com as demandas e necessidades das empresas-âncora do PQF, a Suzano e a Bemis, além das prefeituras de Campo Grande, Três Lagoas e Ribas do Rio Pardo, bem como Sebrae/MS como parceiro executor.

      Neste ano, serão certificadas 44 empresas de diferentes segmentos de atuação, que vão de alimentação à serviços hospitalares, passando por manutenção industrial a fornecimento de mudas. “A cerimônia de certificação representa o resultado de um ano de trabalho com as empresas, e reforça o trabalho do IEL na área de gestão empresarial junto às participantes do programa. Ao mesmo tempo, há uma comemoração muito bonita e gratificante por parte destas empresas, que atingem outro patamar de gestão e eficiência no momento de chegar até o cliente”, afirmou o superintendente do IEL, José Fernando do Amaral.

      O PQF começou a ser oferecido pelo IEL de Mato Grosso do Sul em 2008, inicialmente em Três Lagoas e, desde então, já atendeu 398 empresas fornecedoras para atender as empresas âncoras. Destas, 279 já receberam os certificados, movimentando mais de R$ 1,15 bilhão em negócios entre as fornecedoras e âncoras. Foram 34 mil horas de consultorias, 14 mil horas em diagnósticos, avaliações e auditorias e 400 pessoas formadas como auditoras da Norma ISO9001, na qual o programa se baseia.

      “O PQF, que começou para preparar os pequenos negócios de Três Lagoas para a expansão da indústria e segmento da celulose no município, hoje está em franco crescimento, com atuação também na Capital do Estado, Ribas do Rio Pardo, e apoio do Sebrae”, avalia o gestor do PQF no Estado, o coordenador da área de desenvolvimento empresarial do IEL, Hugo Bittar.

      Como funciona o programa

      Para que atendam com precisão às expectativas das empresas-âncora, as empresas-fornecedoras participantes do PQF passam por um detalhado processo de qualificação. Primeiro, o IEL constitui um comitê gestor local para conduzir o programa no ambiente empresarial em que ele será implementado, além da determinação de um plano de qualificação a ser desenvolvido.

      Em seguida, cada empresa participante passa por uma etapa de diagnóstico, a partir de requisitos definidos pelas empresas-âncoras, e o IEL avalia quais aspectos do negócio podem ser aprimorados. Na etapa de desenvolvimento do programa, o IEL atua em duas frentes – capacitações e consultorias. As capacitações são coletivas, dirigidas a todas as empresas fornecedoras participantes, enquanto as consultorias são individuais, realizadas em cada empresa.

      Então, é chegado o momento da certificação, inicialmente realizada pelo IEL de modo individual. Por meio de auditorias independentes, verifica-se se os requisitos estabelecidos para todas as áreas de gestão do programa são atendidos. A atividade de auditoria também envolve a identificação e preparação de auditores, a elaboração de procedimentos, o planejamento e a programação de auditorias para aprovação pelo comitê gestor local.

      As empresas fornecedoras que obtiveram aprovação no processo de certificação durante as auditorias realizadas – índice que chega a 97% das participantes – são as que receberão um Certificado de Fornecedor Qualificado durante a cerimônia desta quinta-feira.

      Confira abaixo a relação de empresas que serão certificadas:

      1.    Terra Flora
        
      2.    Canteen Cantinas
        
      3.    Varejão das Baterias
        
      4.    Fibra Conectividade
        
      5.    Juliano Ar Condicionado
        
      6. Com mais de R$ 1,1 bilhão em negócios movimentados e centenas de micro e pequenas empresas qualificadas para fornecer e prestar serviços, o PQF (Programa de Qualificação de Fornecedores) do IEL vai entregar, nesta quinta-feira (30/05), os certificados de mais uma etapa de conclusão do programa, em uma cerimônia a ser realizada a partir das 19 horas, no auditório do Sesi de Três Lagoas. O certificado atesta a capacidade das empresas que participaram de fornecer produtos e prestar serviços de acordo com as demandas e necessidades das empresas-âncora do PQF, a Suzano e a Bemis, além das prefeituras de Campo Grande, Três Lagoas e Ribas do Rio Pardo, bem como Sebrae/MS como parceiro executor.

        Neste ano, serão certificadas 44 empresas de diferentes segmentos de atuação, que vão de alimentação à serviços hospitalares, passando por manutenção industrial a fornecimento de mudas. “A cerimônia de certificação representa o resultado de um ano de trabalho com as empresas, e reforça o trabalho do IEL na área de gestão empresarial junto às participantes do programa. Ao mesmo tempo, há uma comemoração muito bonita e gratificante por parte destas empresas, que atingem outro patamar de gestão e eficiência no momento de chegar até o cliente”, afirmou o superintendente do IEL, José Fernando do Amaral.

        O PQF começou a ser oferecido pelo IEL de Mato Grosso do Sul em 2008, inicialmente em Três Lagoas e, desde então, já atendeu 398 empresas fornecedoras para atender as empresas âncoras. Destas, 279 já receberam os certificados, movimentando mais de R$ 1,15 bilhão em negócios entre as fornecedoras e âncoras. Foram 34 mil horas de consultorias, 14 mil horas em diagnósticos, avaliações e auditorias e 400 pessoas formadas como auditoras da Norma ISO9001, na qual o programa se baseia.

        “O PQF, que começou para preparar os pequenos negócios de Três Lagoas para a expansão da indústria e segmento da celulose no município, hoje está em franco crescimento, com atuação também na Capital do Estado, Ribas do Rio Pardo, e apoio do Sebrae”, avalia o gestor do PQF no Estado, o coordenador da área de desenvolvimento empresarial do IEL, Hugo Bittar.

        Como funciona o programa

        Para que atendam com precisão às expectativas das empresas-âncora, as empresas-fornecedoras participantes do PQF passam por um detalhado processo de qualificação. Primeiro, o IEL constitui um comitê gestor local para conduzir o programa no ambiente empresarial em que ele será implementado, além da determinação de um plano de qualificação a ser desenvolvido.

        Em seguida, cada empresa participante passa por uma etapa de diagnóstico, a partir de requisitos definidos pelas empresas-âncoras, e o IEL avalia quais aspectos do negócio podem ser aprimorados. Na etapa de desenvolvimento do programa, o IEL atua em duas frentes – capacitações e consultorias. As capacitações são coletivas, dirigidas a todas as empresas fornecedoras participantes, enquanto as consultorias são individuais, realizadas em cada empresa.

        Então, é chegado o momento da certificação, inicialmente realizada pelo IEL de modo individual. Por meio de auditorias independentes, verifica-se se os requisitos estabelecidos para todas as áreas de gestão do programa são atendidos. A atividade de auditoria também envolve a identificação e preparação de auditores, a elaboração de procedimentos, o planejamento e a programação de auditorias para aprovação pelo comitê gestor local.

        As empresas fornecedoras que obtiveram aprovação no processo de certificação durante as auditorias realizadas – índice que chega a 97% das participantes – são as que receberão um Certificado de Fornecedor Qualificado durante a cerimônia desta quinta-feira.

        Confira abaixo a relação de empresas que serão certificadas:

        1.    Terra Flora
          
        2.    Canteen Cantinas
          
        3.    Varejão das Baterias
          
        4.    Fibra Conectividade
          
        5.    Juliano Ar Condicionado
          
        6. Com mais de R$ 1,1 bilhão em negócios movimentados e centenas de micro e pequenas empresas qualificadas para fornecer e prestar serviços, o PQF (Programa de Qualificação de Fornecedores) do IEL vai entregar, nesta quinta-feira (30/05), os certificados de mais uma etapa de conclusão do programa, em uma cerimônia a ser realizada a partir das 19 horas, no auditório do Sesi de Três Lagoas. O certificado atesta a capacidade das empresas que participaram de fornecer produtos e prestar serviços de acordo com as demandas e necessidades das empresas-âncora do PQF, a Suzano e a Bemis, além das prefeituras de Campo Grande, Três Lagoas e Ribas do Rio Pardo, bem como Sebrae/MS como parceiro executor.

          Neste ano, serão certificadas 44 empresas de diferentes segmentos de atuação, que vão de alimentação à serviços hospitalares, passando por manutenção industrial a fornecimento de mudas. “A cerimônia de certificação representa o resultado de um ano de trabalho com as empresas, e reforça o trabalho do IEL na área de gestão empresarial junto às participantes do programa. Ao mesmo tempo, há uma comemoração muito bonita e gratificante por parte destas empresas, que atingem outro patamar de gestão e eficiência no momento de chegar até o cliente”, afirmou o superintendente do IEL, José Fernando do Amaral.

          O PQF começou a ser oferecido pelo IEL de Mato Grosso do Sul em 2008, inicialmente em Três Lagoas e, desde então, já atendeu 398 empresas fornecedoras para atender as empresas âncoras. Destas, 279 já receberam os certificados, movimentando mais de R$ 1,15 bilhão em negócios entre as fornecedoras e âncoras. Foram 34 mil horas de consultorias, 14 mil horas em diagnósticos, avaliações e auditorias e 400 pessoas formadas como auditoras da Norma ISO9001, na qual o programa se baseia.

          “O PQF, que começou para preparar os pequenos negócios de Três Lagoas para a expansão da indústria e segmento da celulose no município, hoje está em franco crescimento, com atuação também na Capital do Estado, Ribas do Rio Pardo, e apoio do Sebrae”, avalia o gestor do PQF no Estado, o coordenador da área de desenvolvimento empresarial do IEL, Hugo Bittar.

          Como funciona o programa

          Para que atendam com precisão às expectativas das empresas-âncora, as empresas-fornecedoras participantes do PQF passam por um detalhado processo de qualificação. Primeiro, o IEL constitui um comitê gestor local para conduzir o programa no ambiente empresarial em que ele será implementado, além da determinação de um plano de qualificação a ser desenvolvido.

          Em seguida, cada empresa participante passa por uma etapa de diagnóstico, a partir de requisitos definidos pelas empresas-âncoras, e o IEL avalia quais aspectos do negócio podem ser aprimorados. Na etapa de desenvolvimento do programa, o IEL atua em duas frentes – capacitações e consultorias. As capacitações são coletivas, dirigidas a todas as empresas fornecedoras participantes, enquanto as consultorias são individuais, realizadas em cada empresa.

          Então, é chegado o momento da certificação, inicialmente realizada pelo IEL de modo individual. Por meio de auditorias independentes, verifica-se se os requisitos estabelecidos para todas as áreas de gestão do programa são atendidos. A atividade de auditoria também envolve a identificação e preparação de auditores, a elaboração de procedimentos, o planejamento e a programação de auditorias para aprovação pelo comitê gestor local.

          As empresas fornecedoras que obtiveram aprovação no processo de certificação durante as auditorias realizadas – índice que chega a 97% das participantes – são as que receberão um Certificado de Fornecedor Qualificado durante a cerimônia desta quinta-feira.

          Confira abaixo a relação de empresas que serão certificadas:

          1.    Terra Flora
            
          2.    Canteen Cantinas
            
          3.    Varejão das Baterias
            
          4.    Fibra Conectividade
            
          5.    Juliano Ar Condicionado
            
            1. JFI Silvicultura LTDA
              
            2.    Komatsu Forest
              
            3.    L E Vulcanização
              
            4.    LF Soares Capacitação Profissional
              
            5.  CADI Medicina Nuclear
              
            6.  N4 Montagem Industrial
              
            7.  Rabôni Transportes
              
            8.  Hospital Auxiliadora
              
            9.  I9 Assessoria Contábil
              
            10.  SOS Máquinas
              
            11.  Bureau Próximo Serviços e Engenharia
              
            12.  Lavanderia Walter Clean
              
            13.  Alumix Esquadrias Metalicas
              
            14.  Gráfica Pontual
              
            15.  Guatós
              
            16.  Supermercado Costa
              
            17.  Padrão Energia
              
            18.  Funcional Terceirização
              
            19.  RU Uniformes
              
            20.  Arquivoteca - Central de Guarda de Arquivos e Documentos
              
            21.  Parcetec Florestal
              
            22.  Combate
              
            23.  Estima Engenharia
              
            24.  Evoluir RH Treinamento e Consultoria Empresarial
              
            25.  Foco Hotelaria
              
            26.  Reciclagem Alvorada
              
            27.  Restaurante Fogão de Lenha
              
            28.  Druds Express Hotel
              
            29.  Limpidoz Prestadora de Serviços
              
            30.  Artifrio Ar Condicionado
              
            31.  Cazzado Comunicação Visual
              
            32.  RKM Máquinas
              
            33.  Califórnia Transportes
              
            34.  Multidrogas Ribas do Rio Pardo
              
            35.  Delb Madeiras
              
            36.  Pedreira Ita Renda
              
            37.  Elite Papelaria
              
            38.  Bim Convêniencia
              
            39.  Maktub Festas e Eventos
              
            *PerfilNews